sexta-feira, 18 de março de 2011

Alérgico (Anahí e Renne)



O barulho dos carros me incomoda
Perdi minha vontade,
Perdi meu ar
Só aumenta a minha dor
Quilômetros mais
Enquanto eu fico aqui
Você se vai...

Essa noite as estrelas não se movem
Seu coração é alérgico a mim
E hoje você não vai voltar
E não te ter jamais
E a distância vou sobreviver
E tentar esperar...

Já não curarei tua solidão
Quando hoje anoitecer
Não estarei para ouvir
Suas histórias loucas, não
Pois você tem medo de sentir
Pois você é alérgico a sonhar
E perdemos a cor
Pois você é alérgico ao amor...

Vou caminhando em meio a tempestade
Buscando em algum lugar minha paz
De onde eu possa então fugir
Onde você não vai estar
Vou ser feliz, eu vou viver
Mesmo sem você estar...

Já não curarei tua solidão
Quando hoje anoitecer
Não estarei para ouvir
Suas histórias loucas, não
Pois você tem medo de sentir
Pois você é alérgico a sonhar
E perdemos a cor...

Não vou mais acompanhar seus passos
Deixo a vida agora por você...

Já não curarei tua solidão
Quando hoje anoitecer
Não estarei para ouvir
Suas histórias loucas, não
Pois você tem medo de sentir
Pois você é alérgico a sonhar
E perdemos a cor
Pois você é alérgico ao amor...

Um comentário:

  1. Grande Anahí, talentosíssima e Renee com uma voz inigualável!

    ResponderExcluir